Paixão por bromélias!

134

Sou literalmente apaixonada por bromélias! Elas são fortes, adaptáveis, coloridas e lindas! As bromélias são da família das bromeliáceas e são plantas típicas de um dos ecossistemas mais ricos do planeta: a Mata Atlântica. A maioria das mais de três mil espécies conhecidas é nativa das Américas. Como muitas pessoas pensam, as bromélias não são parasitas, elas apenas usam a sustentação das árvores para se proteger e buscar a luz solar. Existem também as espécies de solo, de sombra e de sol pleno. Todas encantadoramente lindas!

casa-da-cris-bromelia-jardim-vertical-duplo      casa-da-cris-bromelia-patiocasa-da-cris-bromelia-arvore casa-da-cris-bromelia-jardim-vertical

Por ser uma planta que exige pouco, e ser de fácil manutenção, ela é bastante usada em jardins verticais, criando um visual moderno e exótico. As folhas se assemelham à folha do abacaxi, com uma textura mais rija e mais cores. O ideal é borrifar as plantas e não encharcá-las de água. A água é continuamente absorvida pela planta, suprindo-a com nutrientes. A pouca evaporação ocorre através da superfície da folha. Segundo informa a bióloga Nara Vasconcellos, dentro da planta, o mosquito da dengue não tende a se reproduzir. A pesquisadora também não recomenda que borrifos com a solução de água e água sanitária – eficaz no controle da evolução das larvas – sejam feitos sobre a planta. De acordo com uma pesquisa desenvolvida pelo Instituto Oswaldo Cruz (IOC), da Fiocruz, em 2007 “apenas 0,07% e 0,18% de um total de 2.816 formas imaturas de mosquitos coletadas nas bromélias [do Jardim Botânico do Rio de Janeiro] durante o período de um ano correspondiam ao Aedes aegypti e Aedes albopictus, sugerindo que as bromélias não constituem um problema epidemiológico como foco de propagação ou persistência desses vetores”.

casa-da-cris-bromelia-macicocasa-da-cris-bromelia-caminhocasa-da-cris-bromelia-canteiro

casa-da-cris-bromelia-jardins-vermelhacasa-da-cris-bromelia-macicos

Nos jardins, sobre as árvores, no chão formando maciços, em vasos, ou bacias, as bromélias fazem hoje parte do paisagismo tropical e é difícil encontrar projetos que não incluam estas plantas. Por ser bonita e fácil de cuidar, ela é uma das preferidas para presentear. Duram uma vida toda se você souber como manejá-la. Eu tenho bromélias que já têm mais de 20 anos. Quando elas florescem, é sinal de que vai nascer um filhotinho bem no caule da mãe, que em breve vai morrer e deixar a nova mudinha crescer e florescer, dando sequência ao ciclo da vida. Retire a parte morta com cuidado, usando uma tesoura de poda e vez por outra troque a terra.

casa-da-cris-bromelia-bacia-azul casa-da-cris-bromelia-bacia   casa-da-cris-bromelia-carroca casa-da-cris-bromelia-dormentes   casa-da-cris-bromelia-jardim

O substrato de cultivo de bromélia não necessita ser nutritivo, desenvolvem-se bem em placas, tocos e galhos de árvore. Terra, areia, húmus de minhoca e pó de fibras de coco ou casca de pinus decomposta é outra receita que dá certo.

casa-da-cris-bromelia-decoracao  casa-da-cris-bromelia-flores    casa-da-cris-bromelia-jardins casa-da-cris-bromelia-lago

Existem diversas espécies de cores e tamanhos variados. Quando comprar, informe onde pretende plantá-la para que ela se adapte melhor. Elas ficam lindas em meio a pedras e pedriscos, no vão debaixo da escada, como decoração dentro de casa, no meio do gramado , ao redor de lagos  e pés de arbustos, em taludes e onde mais a sua imaginação permitir.  casa-da-cris-bromelia-paisagismocasa-da-cris-bromelia-quintal casa-da-cris-bromelia-recanto casa-da-cris-bromelia-vaso casa-da-cris-bromelia

Da próxima vez que for à floricultura, procure ver de perto estas preciosidades. Tenho certeza que você também vai se encantar!

Comentários